Pause
  • 1

  • 2

  • 3

  • 4

A Associação Nacional dos Cursos de Graduação em Ciências Econômicas (ANGE) realizará seu XXI Congresso de 5 a 7 de outubro. O tema do evento, a ser realizado em Campinas, é “O ensino de Economia no Brasil: Pluralismo em tempos de crise”. O Congresso é realizado em parceria com o Instituto de Economia da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e com a Faculdade de Ciências Econômicas da Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas). As inscrições estão abertas (Clique AQUI) e custam R$ 70 para professores e R$ 10 para alunos.

De 27 a 31 de outubro deste ano, economistas de todo o Brasil votam pela internet para eleger um terço dos conselheiros efetivos e suplentes dos Conselhos Regionais de Economia, além de delegados eleitores efetivo e suplente para as eleições do Cofecon. No site votaeconomista.com.br já está disponível o simulado para que os economistas possam se ambientar com a ferramenta e testar como ocorrerá o procedimento nos dias das eleições. Clique AQUI para acessar o simulado.

O Ensino Médio é aquela fase em que todo aluno já está pensando no seu futuro. Qual carreira seguir? Quais são as minhas vocações? Qual profissão me deixaria realizado? Estas são algumas das dúvidas mais comuns que pairam sobre a cabeça dos jovens estudantes.

Neste ano, todos os Conselhos Regionais de Economia realizarão eleições eletrônicas para renovação de um terço dos conselheiros efetivos e conselheiros suplentes dos Conselhos Regionais de Economia, bem como para indicação de um delegado eleitor efetivo e um delegado eleitor suplente para as eleições do Cofecon. Um dos pré-requisitos para votar é a atualização cadastral junto aos Regionais e, como alternativa e para facilitar o procedimento, o Cofecon disponibilizou um formulário online, que pode ser acessado AQUI.

Hide Main content block

Notas Oficiais

CARTA DOS ECONOMISTAS BRASILEIROS REUNIDOS EM NATAL
Documento do Simpósio Nacional dos Conselhos de Economia, realizado em setembro de 2016, sobre conjuntura econômica, política e social do País Leia mais

Artigos

Estado Máximo
O presidente do Cofecon, Júlio Miragaya, defende que por trás da tese liberal do Estado Mínimo (para os mais pobres) está a tese do Estado Máximo para o topo da pirâmide social. Leia mais